Existe uma nova forma de malware que você e sua equipe precisam conhecer. Isso ocorre porque está ganhando popularidade entre os cibercriminosos de todo o mundo. Conhecido como 'Racoon Stealer', é notável não por sua complexidade, mas por sua extrema facilidade de uso. Pior ainda, os designers do malware o comercializam de forma agressiva, tanto dentro como fora da Dark Web, o que está gerando taxas de adoção desenfreadas.

O Racoon Stealer foi descoberto pela primeira vez em abril de 2019. É um vírus Trojan, que é relativamente simples em sua construção, mas bastante hábil em coletar informações de senhas e enviá-las de volta para quem o lançou.

O diretor sênior de caça às ameaças da Cybereason, Assaf Dahan, disse sobre a ameaça emergente: "O Raccoon, como outros ladrões de informações, apresenta riscos significativos para indivíduos e organizações. Qualquer malware projetado para roubar senhas e informações pessoais de navegadores e clientes de e-mail pode potencialmente causar grandes danos às vítimas. 

Os dados roubados estão sendo vendidos pelo maior lance na comunidade clandestina e podem ser usados ​​de várias maneiras - desde roubo de identidade, roubo financeiro ou até mesmo como vetor de entrada para penetrar em uma organização e realizar um ataque maior".

Além do hype geral criado pela campanha de marketing, o grupo por trás do Raccoon fornece à sua base de usuários criminosos mais ferramentas. Isso inclui um back-end fácil de usar, hospedagem e suporte 24 horas por dia, todos por US $ 200 por mês. Os dados que esse pequeno pedaço de código pode obter podem gerar facilmente grandes quantidades de renda para o hacker. Isso faz com que seja um investimento fantástico para o submundo do crime, o que explica o crescimento explosivo e a disseminação do malware.

De qualquer forma, verifique se sua equipe de TI está ciente e esteja atento. Parece que Raccoon está aqui para ficar.

Used with permission from Article Aggregator